A paralisação promovida por funcionários de duas empresas de ônibus que atendem a zona oeste do Rio chegou ao fim por volta das 11h da manhã deste domingo (29), e a circulação dos coletivos foi normalizada, segundo o Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ).

O TRE-RJ acionou a Polícia Federal para ajudar a viabilizar o restabelecimento do serviço de transporte coletivo de passageiros, por se tratar de um serviço essencial. A preocupação era que a greve prejudicasse a circulação de eleitores em algumas regiões da cidade.